Waldir Amaral (Locutor Esportivo)


Encontro histórico de grandes jornalistas que marcaram época no Jardim das Oliveiras, em Jerusalém, em 1964. Da esquerda para a direita vemos Milton Camargo, Jorge Rodrigues Mello, Nelson Jurno, Luiz Noriega, Waldir Amaral, Oswaldo Moreira, Roberto Fonseca e Wilson Lucas (agachado)


Waldir Amaral e Flávio Araújo, Copa de 70, MéxicoProfissional de comunicação extremamente talentoso, jornalista, radialista e famoso locutor esportivo de grande destaque no Rio de Janeiro, Waldir Amaral nasceu em Pilar de Goiás, pequena Cidade do Vale do São Patrício em 1926 e faleceu, aos 71 anos, em 1997, vitimado por uma insuficiência coronariana. Foi um dos primeiros homens da latinha a fazer das transmissões esportivas um verdadeiro show. Incentivado por Chacrinha, passou a usar sinais eletrônicos, simultaneamente com algumas frases que caracterizassem as transmissões da emissora. Waldir chegou a relutar, com medo de cair no ridículo, mas o sucesso imediato obtido com os barulhinhos acabou por animá-lo a imaginar outras coisas. Criou bordões que atravessaram o Brasil e tornaram-se referência como “indivíduo competente”, “o relógio marca”, e “tem peixe na rede”. Criou também o apelido “Galinho de Quintino” que acompanhou Zico até o final de sua trajetória nos gramados.



Waldir iniciou a carreira na rádio Clube de Goiânia. No Rio de Janeiro, passou pelas rádios Tupi, Mauá, Continental, Mayrink Veiga, Nacional e Globo. Nesta última, permaneceu de 1961 a 1983. Cobriu nove Copas do Mundo.

Fonte: Milton Neves, corrigido o local de nascimento por Neuzi Bragança

Comentários

  1. Anônimo3/4/10 12:07

    Sempre fui fã do Valdir Amaral gostaria de comprar
    um cd com a voz dele radiando um jogo.

    ResponderExcluir
  2. olá, como Valdir Amaral pode ter nascido em Goiânia em 1926 se Goiânia só existiu apartir de 1933? Valdir Amaral nasceu em Pilar de Goiás, pequena cidade do vale do são patrício, pilar de Goiás foi muito influente durante o ciclo do ouro.

    ResponderExcluir

Postar um comentário