Rádio perde mais um Comunicador - Doalcei Camargo


Morreu no Rio de Janeiro, na madrugada de ontem, Doalcei Bueno de Camargo. Aos 79 anos, ele não resistiu a um infarto. Estava aposentado como narrador desde a Copa do Mundo de 1998, disputada na França, mas ainda participava dos debates nas tardes de domingo na Super Rádio Tupi do Rio de Janeiro.
Doalcei trabalhou na Tupi, Globo, Continental, Tamoio, Nacional e Guanabara. Era conhecido como "o mais vibrante narrador esportivo do Brasil". Seu grito de gol era único, sempre antecidido por um "disparooooooooou. É gol".
Paulista de Itápolis, cresceu em Marília, terra de Osmar Santos, entre outros importantes nomes do rádio, mas se consagrou no Rio, de onde não mais saiu.

Doalcei Camargo

Comentários