Homem-Aranha 5 (anos)

Um menino de 5 anos, vestido de homem-aranha, resgatou um bebê de 1 ano e 10 meses de uma casa em chamas em Palmeira, Santa Catarina, na tarde de quinta-feira (8). O soldado do Corpo de Bombeiros Giovanni da Cunha disse ao G1 que Riquelme Wesley dos Santos brincava em um pátio em frente à casa dos vizinhos, quando o incêndio começou.

A mãe do bebê, Lucilene dos Santos, afirmou aos bombeiros que tentou entrar na casa para resgatar a filha, Andrielle, mas não conseguiu. "Ele disse que não era para eu gritar e chorar que ele iria salvar a menina", disse Lucilene.

Segundo os bombeiros, Riquelme gritou que era o homem-aranha, entrou correndo na casa, pegou Andrielle e conseguiu levá-la para fora antes que o berço onde estava fosse atingido pelas chamas.



"Estava saindo fumaça do quarto. Eu pulei lá dentro e peguei ela", disse Riquelme. Questionado se era o homem-aranha, ele falou que era "filho do homem aranha".

De acordo com Cunha, que realizou a perícia no imóvel na manhã desta sexta-feira (9), o incêndio destruiu 80% da residência e a causa provável foi um curto-circuito.

O Sargento José Macedo disse que o menino agiu por impulso. "Por ser uma criança, não tem noção do perigo e poderia ser mais uma vítima", diz."É preciso equipamentos especiais para entrar em ambientes confinados."

Fonte:

Comentários