Rádio Globo RJ, O início


Em 1944 o Jornalista Roberto Marinho comprou da RCA Victor a Rádio Transmissora, instalada na Av. Rio Branco 183, onde ocupava os 3 primeiros andares. "A Estação do Som perfeito", como era conhecida.
No dia 1º de Outubro, na sua transmissão a Rádio parou de usar o nome, citando apenas o prefixo PRE-3.
Às 9 horas da noite do dia 1º de Dezembro de 1944Leonardo Gagliano Neto em transmissão apresentada por Leonardo Gagliano Neto e Rubens do Amaral, a Rádio anunciava pela primeira vez o seu novo nome. O Locutor Rubens do Amaral, foi o primeiro a falar no microfone da Rádio Globo, quando anunciou: Esta é a Rádio Globo do Rio de Janeiro. Em seguida foi transmitido o Concerto da notável pianista Magdalena Tagliaferro , direto do Teatro Municipal do Rio de Janeiro.
A Rádio Globo contava com os maiores nomes da radiodifusão em todo o País. O Chefe da equipe de esportes era o Locutor Leonardo Gagliano Neto, O Diretor de Jornalismo (o Chefe de Redação do Globo) Francisco Alves Pinheiro, O Diretor de Programação o maestro Odmar Amaral Gurgel (maestro Gaó). Da direção do seu departamento de rádio-teatro se destacava o novelista Amaral Gurgel, à frente do elenco onde despontavam nomes como Sadi Cabral, Teresa Costa, Daisy Lúcidi e Gerdal dos Santos. Ataulfo AlvesEntre os cantores exclusivos, podemos citar Ataulfo Alves e suas pastoras, Alcides Gerardi e Leda Barbosa. Aerton Perlingeiro e Luis de Carvalho eram os seus principais Locutores.
A Rádio Globo, pelo esforço dos seus funcionários e pelo arrojo dos seus diretores, soube atender ao gosto popular, promovendo os mais importantes Espetáculos e cobrindo os setores da musica, da noticia e do esporte.
Celebridades internacionais foram contratadas, entre as quais Gregório Barrios e Amália Rodrigues. O departamento de esportes era chefiado por Gagliano Neto o narrador de grande prestigio de sua época e que fez muita escola. Com ele trabalhavam Jorge Amaral, Alberto Mendes, Geraldo Romualdo da Silva (o primeiro e brilhante Repórter de campo) e Levi Clyme. Em 1946 Luis Mendes assumia a chefia, com ele trabalhando Volney Camargo e Benjamin Right. Em 56 a chefia era entregue a Ricardo Serran.
Entre os Reporteres mais destacados nos primeiros anos da Rádio Globo podemos citar Raul Brunini que mais tarde foi um dos seus Diretores e Rubens do Amaral que elucidou o caso célebre do menino Sergio Raison. Alvaro Moreira redigia crónicas, Horácio Cardin destacava um fato importante do dia e Lamartine Babo contava em versos episódios do dia a dia.

Comentários